27 de jul de 2009

Câncer Peniano - “Jogue Limpo com Seu Amigo”

Zico é padrinho de nova campanha da SBU - Sociedade Brasileira de Urologia - em apoio a luta da entidade pela Saúde do Homem na II Campanha Nacional de Combate ao Câncer de Pênis que teve início no dia 20 de julho. O ex-jogador de futebol e ídolo brasileiro Zico aceitou pela segunda ser vez o padrinho da Campanha Nacional de Combate ao Câncer de Pênis da Sociedade Brasileira de Urologia .

anuncio-3b 

Esse ano, a SBU vai abordar a doença que mutila e também todas as doenças urológicas relacionadas ao homem.
 
Casos graves aumentam 10% ao ano. São Paulo, Ceará, Maranhão e Rio de Janeiro são os primeiros colocados. Zico é o padrinho da Campanha de esclarecimento A Campanha de Combate ao Câncer de Pênis, iniciada em 2007, foi abraçada pela Sociedade Brasileira de Urologia como uma ação permanente.
 
A entidade estima que mais de três mil homens tenham a doença, que pode ser evitada de maneira simples: higiene genital adequada. Estudo feito pela SBU e divulgado em 2007 revela que São Paulo concentra a maior incidência da doença, mas estados com bem menos habitantes ilustram nos segundos e terceiro lugares deste triste ranking: Ceará e Maranhão.
 
Dados levantados pelo Data/SUS nos últimos cinco anos ratificam a pesquisa da SBU ao mostrar que a amputação do órgão – medida tomada quando a doença é grave – tem Aumentado cerca de 10% ao ano. Este número leva a entidade a acreditar que o país esteja em segundo lugar no ranking mundial da doença, atrás apenas da África.
 
De acordo com levantamento feito pela SBU em 2007, o câncer de pênis é uma patologia muito frequente no Brasil, acometendo preferencialmente pacientes de baixa renda que demoram a procurar assistência médica especializada ao notar feridas no pênis. O estudo mostrou ainda que 81,62% dos casos acometem homens acima de 46 anos. O Norte e Nordeste juntos têm mais de 50% dos casos.
 
O que é grave nisso tudo é que o homem se acha invulnerável a doenças. Ele não se cuida e sequer vai ao médico. O preconceito é o maior entrave. Assistindo a uma reportagem na tv deu para perceber claramente que até para pronunciar a plavra 'pênis' os homens têm dificuldade. É o maior indício de fragilidade.
 
 
O pênis é um órgão como outro qualquer e portanto, merece todo cuidado. E o mais incrível é que o cancêr no pênis pode ser evitado apenas e tão somente com uma boa higiene, nada complicada e barata que seria à base de água e sabão. O homem deve mover a pele que cobre a glande (cabeça do pênis) e proceder a lavagem simplesmente.
 
Observar também é fundamental. E essa pode ser uma das funções da companheira. Aparecendo qualquer feridinha o homem deve, imediatamente, procurar seu médico mesmo porque essas feridas NÃO doem e isso pode levar o homem a achar que não é nada grave, adiando assim um tratamento e prevenção adequados.
 
Continue lendo no My Blog Health

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oba! Que bom que esteve por aqui dando uma especulada no meu cantinho. Esteja à vontade e volte sempre.
Só não serão publicados comentários anônimos.
Beijos!

BlogBlogs.Com.Br